quinta-feira, 24 de setembro de 2009

PADRE CORREIA DA CUNHA – 92º ANIVERSÁRIO

.
.
.


P A R A B E N S!



Passam hoje 92 anos do seu nascimento, que como todos sabemos era o dia 24 de Setembro 1917 e  não a 26 de Setembro, como consta nos documentos oficiais de identificação.

Hoje publico um documento preenchido pelo seu próprio punho onde fica claro que era o dia 24 de Setembro que Padre Correia da Cunha celebrava o seu aniversário.

A data era marcada com a realização de um jantar de confraternização no elegantíssimo restaurante Varanda do Chanceler, situado na sua querida Alfama, com uma magnífica vista sobre o Tejo, com todos os seus amigos mais próximos onde Padre Correia da Cunha se apresentava sempre em óptima forma e uma galante boa disposição, dialogando com todos os convidados durante a tão encantadora e aprazível refeição.

O Padre Correia da Cunha recebia muitas cartas de felicitações e também muitos presentes. Entre estes, os que lhe davam mais prazer eram os bons livros. A comemoração do seu aniversário ganhava contornos religiosos com a celebração de uma missa no final da tarde pelas suas intenções e com desejos de que: ''Fazei Senhor, que o nosso pároco saiba dar-nos sempre, o PÃO da Palavra e o PÃO da Vida! ‘’ por muitos longos anos''.
Fazer uma pequena memória não só é justo como, sobretudo, um dever de gratidão.

Recordar o grande Homem que foi Padre Correia da Cunha em vida, uma personagem controversa, de rupturas (certamente), mas de uma inteligência e cultura invulgares, brilhante conversador, frequentador dos meios intelectuais do país … O seu talento de improvisador tornaram-no um grande inovador na área da liturgia pastoral. Dotado de uma fina sensibilidade dominava com grande profundidade todas as artes clássicas. Conservou até ao seu último dia de vida o culto muito especial pela leitura. Como já referi, no post Padre Correia Cunha e os livros, este tinha uma biblioteca impressionante de livros sobre as mais variadas temáticas.

O Padre Correia da Cunha, pároco da Comunidade Paroquial de São Vicente de Fora, celebraria hoje 92 anos de vida. Já não está connosco, mas nesta data, queremos aproveitar para agradecer a Deus ter-nos concedido este grande zeloso prior que no desempenho dessa sua nobre missão deixou uma obra tão sólida que ainda hoje perdura, tão vasta que provoca a tantos anos de distância, os nossos quentes aplausos de PARABÉNS!







Referia Santo Agostinho que: ‘’a memória é o presente do passado’’, quer isto dizer que ao fazermos memória não somos nós que recuamos no tempo e no espaço para outros lugares e tempos, mas o passado que é trazido até nós para se actualizar no nosso presente. É precisamente esta dimensão de memória que nós queremos dar a esta breve evocação. Foi curta a sua vida de cinquenta e nove anos, mas tão densa e preenchida… Que ela sirva pois, para nos ajudar a viver com intensidade e coragem a nossa vida de cristãos, iniciada na Comunidade Paroquial de São Vicente de Fora e hoje membros da sociedade a quem muito podemos dar o muito que recebemos e aprendemos com o saudoso Padre Correia da Cunha.

Em nome de todos os seus amigos… Bem-haja Padre Correia da Cunha.













.


.


.


.

1 comentário:

  1. Anónimo21.10.09

    conhece a igreija paroquial de adaúfe ?

    ResponderEliminar