terça-feira, 20 de janeiro de 2009

PADRE JOSÉ CORREIA DA CUNHA

.
.



.
..
.

JUSTA HOMENAGEM







O PADRE JOSÉ CORREIA DA CUNHA (1917-1977) foi uma figura digna com uma personalidade requintada, sóbria, simples e de uma vasta cultura que procurava no dia-a-dia dar a todos os seus discípulos, onde estive incluído … uma contribuição para o nosso crescimento de bons cristãos, cidadãos e construtores de um mundo melhor.

Nasceu em Lisboa, na freguesia de Arroios (Rua Rebelo da Silva), terminou o curso de Teologia no seminário dos Olivais (1939), sendo educando do grande génio Mons. Pereira dos Reis, de quem muito nos falava.


Esteve ligado à Armada Portuguesa como capelão nos anos 40, à Associação de Marinheiros Católicos de Portugal, à Escola de Pescas, às Oficinas Gerais Fardamento e Equipamento do Exército e aos Lions. Foi pároco de São Vicente de Fora de 1960 a 1977.

Lanço aqui um desafio: devem existir ainda muitos documentos, cartas e fotografias na posse de vários amigos. Estes têm uma importância muito grande. Aliás muito maior do que aquilo que à primeira vista possam pensar.

A história do Padre José Correia da Cunha é muito rica e quanto mais completa estiver mais interessante se torna.

Era um orador admirado. Um homem de fé, profundamente altruísta e magnânimo de uma grande bondade e honradez. O seu apuradíssimo gosto pelas artes e cultura literária tornaram-no um dos mais brilhantes e cultos clérigos do Patriarcado de Lisboa.

Dada a reconhecida importância do seu pensamento no domínio da Liturgia, como cerimoniário adjunto da Sé Patriarcal, promovia práticas em vista ao progresso da liturgia com experiências inspiradoras para a sua própria renovação.

Está na memória dos seus amigos. O Padre Correia da Cunha mantém-se vivo e actuante na sua acção em prol da educação da juventude só por si suficiente para ser recordado como homem empenhado numa mudança positiva do nosso tempo…

A sua memória deverá continuar viva e a iluminar o caminho de quantos o conheceram, ouviram e leram.











.
.
.
.
.
.

6 comentários:

  1. Anónimo23.3.10

    Viva João Paulo !

    É com muito gosto e admiração que constato o extraordinário serviço que presta à comunidade ao alimentar a luz emanada por esse grande homem cristão, José Correia da Cunha. Ao longo dos anos não esqueço os seus ensinamentos e testemunhos. Eles são parte integrante da minha vida, como professor, pai, ...marido, avô e amigo.
    Bem haja !

    Desejo-lhe de todo o coração as maiores venturas.

    Receba um grande abraço deste seu Amigo,

    Rui Aço

    ResponderEliminar
  2. Anónimo16.12.11

    Obrigada, João Paulo, por partilhar e divulgar a obra de alguém que marcou o mundo pela diferença.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo27.1.12

    Padre CORREIA DA CUNHA… uma pessoa iluminada, querida, especial e essencial na nossa família PAROQUIAL DE SÃO VICENTE DE FORA!
    Momentos inesquecíveis que ao seu lado passamos…
    Ah,Padre Cunha... que saudades sentimos!!!
    Quantas alegrias juntos passamos…

    A Paróquia era a nossa casa, alí eramos, sempre bem recebidos, o senhor com aquele sorriso cativante… um amigo, um pai…
    Agradecemos a oportunidade que recebemos de um dia tê-lo em nossas vidas e abençoados por fazer parte da sua família paroquial maravilhosa. Infelizmente, não podemos mais abraçá-lo, mas certamente estará sempre em nossos corações.
    PROFUNDAS SAUDADES…

    ResponderEliminar
  4. Uma vez mais, as minhas felicitações pelo blog e pela homenagem aqui feita ao Pe. Cunha!

    Aproveito, enquanto primo do Pe. Cunha (infelizmente, com contactos já perdidos há muito) para perguntar aos autores e/ou aos leitores do blog: alguém mantém contacto, ou tem conhecimento de informações acerca da restante família? Os irmãos Henrique, Mª de Jesús, Fernando e Lindorfe, ou os sobrinhos, Aníbal (filho do Lindorfe), Carlos e Zé Manuel (filhos do Henrique), ou o Acácio?

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já todos faleceram, o primeiro Jose Correia da Cunha em 2 de Abril de 1977, os restantes tambem tendo sido os ultimos o Fernando no ano de 2012 e o Henrique recentemente.

      Eliminar
  5. Anónimo30.9.14

    Concordo plenamente com o que o sr, JOÃO PAULO DIAS publicou realmente o PADRE CUNHA fez muito pela gente de SÃO VICENTE DE FORA e não só SANTA ENGRÁCIA -SÃO TOME - GRAÇA -QUINTA DO FERRO - ALFAMA - E ATE pessoas que vinham do VALE ESCURO - para pedir ajuda a este PADRE -era uma pessoa com um coração enorme a quem a gente de SÃO VICENTE DE FORA e bairros limítrofes devem muito não por nos mas pelos nossos pais avós tias tios em que ele tanto ajudou . e vou partilhar esta pagina NO ORGULHO DE SER DE SÃO VICENTE DE FORA - porque foi um orgulho ter este PADRE como missionário de DEUS na nossa paroquia. AUGUSTO GARCIA

    ResponderEliminar